Filiado à:

Nota de Esclarecimento do Simetal

Nota de Esclarecimento do Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e do Material Elétrico de Blumenau (Simetal)

Nos últimos dias, acompanhamos a repercussão de duas reportagens nas redes sociais contendo informações distorcidas sobre o Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e do Material Elétrico de Blumenau (Simetal). Queremos esclarecer os pontos levantados para garantir a transparência e a verdade dos fatos.

Primeiramente, é importante destacar que, dos mais de 800 trabalhadores que compareceram ao Sindicato em apenas um dia, apenas uma minoria reclamou da situação – e somente essas reclamações foram ouvidas e divulgadas pela imprensa. Contrariando o que foi noticiado, a fila não era para desfiliação ao Sindicato. Mas sim para solicitar o cancelamento da taxa negocial ou assistencial, definida em assembleia aberta e democrática, conforme ocorre anualmente. Em nenhum momento tivemos desfiliações neste período.

Pontos a Esclarecer:

1. Fila e Condições Climáticas:

    • A legislação prevê um prazo de 10 dias para que os trabalhadores façam o cancelamento da taxa negocial. Em dois desses dias, houve uma concentração maior de público.
    • A mídia divulgou que não permitimos a entrada dos trabalhadores para se abrigarem da chuva, mas a realidade é que o espaço disponível comporta apenas 15 lugares, insuficiente para a demanda.
    • O auditório, filmado indevidamente por um veículo de comunicação, está interditado pelos bombeiros por motivos de segurança, pois possui apenas uma saída (e ainda pela escada). Outras salas da sede são utilizadas para atendimento médico, incluindo serviços de psicologia.

2. Suposta Agressão ao Repórter:

    • Ao contrário do que foi divulgado nas redes sociais, em nenhum momento o repórter do veículo Messoregional foi agredido. O trabalhador que realizava o atendimento, e que estava presente de forma voluntária, expressou diversas vezes que não queria ser filmado. Ao ser exposto, conforme mostram as imagens, ele colocou a mão na câmera na tentativa de não ser filmado.
    • O sindicato é uma pessoa jurídica de direito privado que tem a função de proteger os interesses coletivos e individuais dos trabalhadores. Não podemos permitir que as pessoas entrem nas salas e filmem o espaço, sem a devida autorização.

Conquistas do Simetal:

Graças ao trabalho do Sindicato, a diretoria e os seus associados, anualmente a categoria conquista aumentos reais e outros benefícios, além da garantia dos direitos já adquiridos. A maioria dos filiados valoriza esse trabalho e faz questão de pagar a taxa negocial, que equivale a R$ 10,00 por mês. As reclamações sobre o tempo de espera na fila vieram principalmente de trabalhadores que não são associados e nem participam das assembleias.

Na última convenção coletiva (2024/2025), conquistamos um aumento salarial de 4,30%, com o piso salarial passando para R$ 2.030,00 e a base de insalubridade para R$ 1.460,00. Também asseguramos que, caso as férias incluam os dias 25 de dezembro ou 1º de janeiro, esses dias não serão considerados para a contagem das férias. Além disso, no ano passado, nas grandes empresas, os trabalhadores chegaram até a receber 3 salários referentes a conquista do PPR.

Conclusão:

A repercussão de informações distorcidas nas redes sociais só prejudica o trabalho importante e necessário que realizamos em prol da categoria. Reafirmamos nosso compromisso com a transparência e a defesa dos direitos dos trabalhadores.

Estamos à disposição para quaisquer esclarecimentos adicionais.

Atenciosamente,

VALMOR LICINIO MACHADO

Presidente Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas e do Material Elétrico de Blumenau (Simetal)